Infraestrutura

LABORATÓRIOS

A Faculdade de Economia dispõe de dois laboratórios de informática, sendo um deles exclusivo, com 12 computadores, para a pós-graduação, e outro, com 60 computadores, para os estudantes da graduação, podendo estes serem compartilhados por estudantes de pós-gradução, os quais são equipados com softwares de primeira ordem e estão interligados em rede, com acesso direto à Internet.  Estes laboratórios muito tem contribuído para as pesquisas individuais dos alunos, confecção de seus textos, trabalhos e dissertações.  Além disso, tem permitido que algumas disciplinas, principalmente Econometria e Métodos Quantitativos, sejam ali ministradas, proporcionando uma multiplicação dos benefícios acadêmicos.

 

RECURSOS DE INFORMÁTICA

Todos os professores dispõem de computadores e impressoras pessoais em suas salas de trabalho. Estes recursos estão interligados por rede de fibra ótica com a Internet. Estão também ligados a uma rede interna que permite compartilhamento de arquivos e programas. No ano de 2006, seguindo orientação da CAPES de transformar as Home Pages dos programas de pós-graduação em instrumentos de divulgação e interatividade visando a melhoria da visibilidade do programa, foram efetuadas melhorias neste sentido. Portanto, o site do PPGE (http://www.ppgeconomia.ufba.br) foi modificado com a introdução de informações relativas à estrutura do programa, currículo, disciplinas, conteúdos programáticos e bibliografia, etc. Além disso, introduziram-se currículos dos professores com referências à produção principal dos docentes.

Como mencionado acima, o Programa de Pós-Graduação em Economia dispõe, em termos de recursos de informática, de equipamentos essenciais para introdução de elementos multimídia em sala de aula, que possibilitam aumentar a qualidade do ensino e a interatividade dos conhecimentos. As salas de aulas são climatizadas e adaptadas para ministração com quadro branco e utilização dos elementos multimídias, o que permite às diferentes atividades acadêmicas serem ministradas com um maior conforto para professores e alunos.

 

BIBLIOTECA

A Biblioteca da Faculdade de Economia da UFBA está localizada numa área física de 466,82 m2 e dispõe com um atualizado sistema de consulta, empréstimo e segurança do acervo. A biblioteca é dotada de sistema de refrigeração e conta com dispositivos de informática que permitem a digitalização das publicações que fazem parte do acervo da biblioteca. Este acervo é composto de 45.397 livros, teses e dissertações (podem ser consultados por título, autor e assunto na página), organizados conforme a Classificação Decimal de Dewey (CDD) e a Tabela Cutter. Além dessas publicações, a biblioteca conta com uma importante seção de periódicos com 251 títulos, sendo 183 nacionais e 68 estrangeiros. O acervo da biblioteca conta ainda com uma videoteca constituída por 120 itens multimídia. Os usuários tem acesso ainda a serviços de comutação bibliográfica e normalização bibliográfica.

Além da biblioteca da Faculdade de Economia existe ainda a Biblioteca Central Reitor Macedo Costa da UFBA que se concentra na área de Ciências Sociais e Humanas e pode ser acessada pelos estudantes do Doutorado, inclusive por consulta virtual. Os seguintes serviços estão disponíveis na biblioteca:

1) Empréstimo domiciliar;

2) Treinamento a bases de dados nacionais e internacionais

3) Consulta local para a comunidade interna e externa à UFBA

4) Normalização de trabalhos acadêmicos tccs e dissertações)

5) COMUT - Programa de Comutação Bibliográfica. Este programa localiza e obtém cópias de artigos de periódicos ou outros documentos em âmbito nacional e internacional. O COMUT representa uma importante alternativa nas atividades de pesquisa bibliográfica, sobretudo na obtenção de referências não disponíveis nas bases de dados usuais.

O Portal de Periódicos, da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES/MEC), é um dos maiores do mundo e o único oferecido pelo governo para pesquisas em pós-graduação. Está disponível para mais de 1 milhão de estudantes em 152 universidades e institutos de pesquisa com programas de pós-graduação recomendados pelo MEC. Criado em 2000, conta com mais de 31 mil títulos em várias áreas do conhecimento, 130 bases referenciais e 10 de patentes. Os periódicos, disponibilizados em tempo real pelo Portal CAPES, representam a quase totalidade de títulos indispensáveis para a pesquisa bibliográfica de trabalhos com comprovada aplicação em processos produtivos, oferecendo um manancial significativo de pesquisa nos mais diversos ramos da tecnologia.

O Sistema de Biblioteca da UFBA, através da Biblioteca Central, vem disponibilizando o banco de dados ProQuest5000 cujo acesso é realizado pelo Portal de Periódicos da CAPES. Esta base de dados compreende uma coleção de periódicos com textos completos, com ênfase nas áreas de Administração, Contabilidade e Economia, disponibilizada junto à base ABI Inform Global. Estão disponíveis também tabelas de conteúdo e resumos de outras publicações não assinadas pela CAPES. Nestes casos, os textos completos dos artigos poderão ser obtidos online, mediante pagamento ao editor, ou através de programas de comutação bibliográfica, como o COMUT, que localiza documentos no Brasil e no exterior e fornece as cópias solicitadas.

 

O Portal de Domínio Público (PDP), inaugurado em novembro de 2004, conta com mais de 5 mil obras literárias, músicas, fotografias, vídeos e quadros de autores nacionais e internacionais. O usuário tem a opção de fazer cópia dos textos e imprimi-los.  Órgãos públicos e bibliotecas podem fornecer conteúdo, sobretudo de obras de domínio público cujos autores morreram há mais de 70 anos. Escritores contemporâneos também podem autorizar a publicação de suas obras. O cadastramento é feito no (PDP).

 

OUTRAS INFORMAÇÕES

Os recursos financeiros empregados para a manutenção e melhoria são provenientes do PROAP e do Orçamento da Faculdade de Economia, e de participação em editais patrocinados por agências de fomento ao ensino e à pesquisa, entre elas a Finep. Tem-se obtido também recursos para pesquisa, passagens para participação em Congressos nacionais e internacionais, bolsas de pesquisas para estudantes, junto a várias outras instituições de fomento à pesquisa científica, a exemplo, da FAPESB, e instituições internacionais.